Terreno cedido pela CSN em Volta Redonda está contaminado com substâncias cancerígenas

Poupança tem maior captação líquida do ano
Consumidores e comerciantes reclamam do preço do tomate

csnEstá contaminado com substâncias cancerígenas um terreno cedido pela Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) para a construção de casas de funcionários, em Volta Redonda, no sul fluminense. A informação foi confirmada pela Secretaria Estadual do Ambiente, que recebeu a denúncia do Ministério Público Estadual.

De acordo com nota do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), que investigou o solo do terreno, centenas de moradores da localidade estão expostos a substâncias perigosas como o ascarel, um óleo usado em transformadores que é cancerígeno. “Segundo as análises, o terreno apresenta contaminação em nível intolarável à saúde”, afirma em nota.

Durante coletiva de imprensa nesta manhã, técnicos do órgão vão detalhar o potencial de risco aos moradores e divulgar o resultado das análises. Também serão reveladas medidas contra a CSN, “que ocultou o dano ambiental”.

A empresa informou que vai se manifestar depois da coletiva de imprensa.

Fonte: Agência Brasil

Os comentários estão encerrados.

Sindicalize-se
Falar pelo WhatsApp
Enviar via WhatsApp