Quando começa o próximo saque do abono salarial do PIS/Pasep?

Quando acabam os benefícios emergenciais liberados na pandemia?
Conflitos trabalhistas gerados pela Covid-19 ainda possuem futuro incerto

O pagamento do abono salarial não apenas foi adiado como houve uma mudança com relação ao cronograma de pagamentos

0

Fonte: gov.br

Fonte: gov.br

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) aprovou uma resolução que mudou o calendário de pagamentos do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep).

Através da resolução que foi recomendada pela Controladoria-Geral da União, os trabalhadores que deveriam receber o abono salarial de 2020 no segundo semestre deste ano, só terão acesso aos valores no ano que vem.

Nos últimos anos, o abono salarial começava a ser pago no segundo semestre de cada ano e só terminava de ser pago no final do primeiro semestre do ano seguinte, onde o cronograma de pagamentos obedecia o mês de nascimento do trabalhador do setor privado no caso do PIS, e conforme o último digital do NIS no caso do Pasep para servidores.

Mudança nos pagamentos

Com a nova resolução aprovada pelo Codefat, a partir de 2022 o abono salarial será pago sempre no primeiro semestre de cada ano, ou seja, entre os meses de janeiro e junho todos os trabalhadores que atendam aos requisitos do programa, receberão sua respectiva parcela.

O novo calendário de pagamentos está previsto para ser divulgado apenas em janeiro de 2022, quando a base de dados enviada pelos empregadores a partir de outubro de 2021 terminar de ser processada e a lista de beneficiários for concluída, assim os pagamentos do PIS/Pasep devem acontecer entre os meses de fevereiro e junho.

E como fica o pagamento referente a 2021?

Um ponto que tem chamado atenção aos trabalhadores é a respeito do pagamento do abono salarial 2021, vale lembrar que o pagamento adiado este ano é referente a quem trabalhou em 2020, logo, como ficará no ano que vem com o pagamento do abono 2020 atrasado e o pagamento do abono para quem trabalhou esse ano?

A expectativa é que o pagamento dos dois anos seja acumulado e pago no ano que vem, porém, não se sabe ao certo como ocorrerá o pagamento referente ao exercício de trabalho em 2021, mas a grande expectativa de que os trabalhadores possam receber em 2020 o abono salarial 2020 e 2021.

Ainda conforme declaração de membros do governo, o adiamento do abono salarial não deve representar qualquer tipo de perda aos trabalhadores, então, será necessário aguardar a confirmação do governo para saber se de fato os trabalhadores receberão dois saques do PIS/Pasep em 2022.

Para ter direito, o trabalhador precisa:

  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
  • Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos com carteira assinada no ano-base;
  • Ter exercido atividade remunerada para pessoa jurídica, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;
  • Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial.

Como consultar o saldo

No caso do PIS (trabalhador de empresa privada):

Por meio do aplicativo Caixa Trabalhador No site da caixa (www.caixa.gov.br/PIS), clique em “Consultar pagamento” Pelo telefone de atendimento da Caixa: 0800 726 0207

No caso do Pasep (servidor público):

Pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas); 0800 729 0001 (demais cidades) e 0800 729 0088 (deficientes auditivos).

Fonte: Jornal contábil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sindicalize-se
Falar pelo WhatsApp
Enviar via WhatsApp