Pacote de ajuda ao setor da cana vai incluir usinas do Nordeste

Informativo do Diap esclarece tudo sobre a desaposentadoria
Câmara aprova cobrança em estacionamento a cada 30 minutos

canaO governo brasileiro informou nesta segunda-feira que vai ampliar para usinas de etanol a ajuda anunciada na semana passada para produtores de cana do Nordeste, afetados pela seca, em um momento em que a região sofre com uma queda esperada de 15 por cento na produção do biocombustível.

Na quinta-feira, o Ministério da Fazenda disse que iria oferecer 125 milhões de reais a produtores de cana afetados pela estiagem, em forma de subvenção de 12 reais por tonelada no momento da venda da produção.O secretário-executivo substituto do ministério, Dyogo de Oliveira, disse que o governo vai destinar 425 milhões de reais para o apoio às usinas de etanol do Nordeste, região que responde por 10 por cento da cana produzida no país e cerca de 5 por cento da produção nacional de etanol.

Oliveira disse que os níveis de produção registrados na safra 2011/12, que foram de 2,14 bilhões de litros, seriam usados como base de cálculo para as perdas de usinas. Ele disse esperar uma quebra de 15 por cento na produção desta temporada.Os detalhes de como as usinas irão se qualificar para a ajuda e os montantes a que cada uma teria direito serão definidos em breve, disse o secretário.

Fonte: Reuters

Os comentários estão encerrados.

Sindicalize-se
Falar pelo WhatsApp
Enviar via WhatsApp