Desmatamento cresce, mas governo reduz em 36% verba para combatê-lo

Argentina prorroga quarentena até 24 de maio
Em salões de beleza e academias, precaução não elimina risco de contrair coronavírus

Soma de GLO e orçamento do Ibama

Eram R$ 272,9 mil. São R$ 175,4 mi

Queda de 36% em relação a 2019

Garimpo clandestino em Mato Grosso em 2019: Ibama e Forças Armadas terão menos recursos para enfrentar desmatamento ilegal crescente


12.maio.2020 (terça-feira) – 7h33
atualizado: 12.maio.2020 (terça-feira) – 10h15

O ministro Fernando Azevedo e Silva (Defesa) anunciou nessa 2ª feira (11.mai.2020) que a Operação Verde Brasil 2, que tem o objetivo de combater o desmatamento ilegal e focos de incêndio na Amazônia, custará R$ 60 milhões. Somado aos recursos do Ibama para fiscalização florestal e combate ao desmatamento, serão R$ 175,4 milhões em recursos. A verba é 36% menos que em 2019, quando essa soma chegou a R$ 272,9 milhões.

Isso acontece no mês em que o Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais) anuncia aumento de 55% nos alertas de desmatamento, de janeiro a abril, em relação ao mesmo período de 2019.

Fonte: Siop (Sistema Integrado de Planejamento e Orçamento) e governo federal. Dados da dotação inicial de cada um dos anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sindicalize-se
Falar pelo WhatsApp
Enviar via WhatsApp