Custo de vida aumentou 0,24% em setembro

Berzoini é o novo relator do projeto de lei sobre a terceirização
Cesta básica mais barata em 14 cidades

dieese_4Em setembro, o custo de vida no município de São Paulo apresentou alta de 0,24%, segundo cálculo do DIEESE. A taxa do mês é superior à variação registrada em agosto (0,09%).

Houve aumento no custo de vida para todos os estratos de renda (1) analisados: para as famílias de maior poder aquisitivo, reunidas no estrato 3, o custo de vida passou de 0,16% em agosto para 0,32% em setembro; para aquelas com renda intermediária (estrato 2) aumentou de 0,03% para 0,18%, e para as famílias com menor nível de rendimento, classificadas no estrato 1, passou de -0,05% para 0,12% no período em análise. Saúde, com alta de 1,42% e Habitação, com aumento de 0,17% foram os grupos que mais subiram, enquanto os maiores recuos o ocorreram com Transporte (-0,06%) e Equipamento Doméstico (-0,21%).

Nos últimos 12 meses, de outubro de 2012 a setembro de 2013, o ICV-DIEESE acumula taxa de 6,34%. A variação anual foi crescente em relação ao poder aquisitivo, com taxa de 5,37% para o 1º estrato, 5,83% para o 2º e 6,85% para o 3º (Tabela 4).

Em 2013, para uma inflação de 4,44%, as taxas por estrato de renda tiveram comportamento semelhante às variações anuais: estrato 1, 3,11%; estrato 2, 3,77% e estrato 3, 5,09%.

Fonte: DIEESE

Os comentários estão encerrados.

Sindicalize-se
Falar pelo WhatsApp
Enviar via WhatsApp